disfarce

“(…) Não é sempre que a natureza nos oferece modelos perfeitos: é, pois, preciso ter a arte de corrigi-los e colocá-los de forma agradável evidenciando os aspectos mais vantajosos, as situações mais felizes, ocultando da vista o que têm de defeituoso, emprestando-lhes os encantos e as graças que teriam se fossem verdadeiramente belos. (…) Sou vosso, etc…” (NOVERRE, Jean-Georges, Carta 6, apud MONTEIRO, Marianna, 2006, p.229.)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: